Site de Landau, o renegado. Aqui você poderá encontrar informações interessantes sobre Star Wars (Guerra nas Estrelas), carros antigos (Landau e outros), dicas de informática, informações sobre música, links interessantes e muito mais. GOOGLE KEYWORDS >> 2006 FIFA World Cup - Germany. A Copa do Mundo FIFA de Futebol será realizada na Alemanha em 2006. A seleção brasileira de futebol é uma das favoritas e com o hexacampeonato será incluída uma estrela no escudo da Confederação Brasileira de Futebol. << GOOGLE KEYWORDS
Landau Logo
Brasil - São Paulo - 15 de dezembro de 2017 - Internet Time @ 639

Bem-Vindo ao site de Landau, o renegado.
Harry Potter - 11/12/05 @ 203
assisti ao novo filme Harry Potter e o Cálice de Fogo, numa estréia junto com o pessoal do fã-clube Associação Potteriana (veja fotos), na Galeria Center 3 da av. Paulista, numa sala de cinema do Multiplex Bristol do Grupo PlayArte. a sala 1 possui um amplo espaço e sua tela mede 14 passos de largura, um ótimo tamanho... nessa sessão houve apenas a exibição do trailer de King Kong que novamente demonstra que será um ótimo filme, seguindo o layout do original de 1933, com um cineasta que vai a uma ilha perdida, ao contrário da porcaria de roteiro da versão de 1976, em que uma empresa petrolífera que vai até a ilha...
alguns dias após assisti novamente ao filme... dessa vez na sala 3 do Shopping Taboão, e novamente tive problemas... pois eles queriam ficar com meu ingresso retido... e eu queria guarda-lo na minha coleção... ameacei entrar na sala com meu ingresso na mão, mas fui barrado por um segurança... concordamos que eu deixaria o ingresso... que eles não o rasgariam no meio como fazem... e que ele ficaria separado junto com o gerente... que eu novamente ligaria para a matriz da Cinematográfica Araújo em Botucatu e pediria para que liberasse meu ingresso... liguei... pedi... a menina até lembrou meu caso (quando fiz a mesma coisa para ter o meu ingresso do Star Wars Episódio III), porém quando fui ao cinema no dia seguinte... meu ingresso havia sido rasgado e misturado com os outros... por sorte eu havia memorizado o número dele... enchi saco até que eles pegaram saco com todas as metades de ingressos rasgadas... e eu junto com a sub-gerente, caçamos até achar as 2 metades do meu ingresso... e agora segundo ela... nas próximas vezes que eu for lá... eles já vão me deixar com o meu ingresso... pois sabem que eu sou chato... hahahaha...

breve a resenha de As Crônicas de Nárnia...
Sin City, Batman, Fantastic 4 e o Senhor das Armas... - 11/12/05 @ 049
pois bem... tirando um pouco as teias de aranha do meu site... deixa eu colocar novos comentários sobre salas de cinema aqui...

em Julho eu assisti aos filmes Sin City, Batman Begins e Quarteto Fantástico.
as resenhas sobre os filmes você poderá encontrar na seção de cinema do Blog do Barbosa, e aqui seguem as informações sobre os traileres e as salas de cinema:

Sin City, assisti na sala 9 do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. parece que eu estava enganado em comentários anteriores e a sala não possui tela com 19 passos de largura, mas sim 16. confirmarei esse número quando estrear o King Kong. os traileres que eu vi foram:
- Stealth: filme tosco sobre um avião que começa a agir sozinho
- Skeleton Key - A Chave Mestra: filme tosco de terror adolescente sobre casa onde se praticava vudu
- King Kong: finalmente parece que o maldito diretor de visão limitada (a.k.a. Peter Jackson) fará um bom filme, King Kong mantém todos as características do original de 1933 e parece que será um ótimo filme
- A Ilha: parece ser um filmezinho tosco de ficção científica a respeito de clones e o clichê do clone que quer se libertar. não vou perder meu tempo com isso
Batman Begins, assisti na sala 10 do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. novamente não formalizei a medida da sala, continuo considerando que sua medida seja igual à da sala 11, sua vizinha que parece ser gêmea, 11 passos. os traileres que vi:
- Lenda do Zorro: novamente Antonio Banderas no seu karma de fazer personagens latinos... não é o meu tipo de filme...
- A Ilha: outro trailer do filme A Ilha... algumas cenas de ação pra tentar impressionar... mas não me cativa a assistir...
- Quarteto Fantástico: bastante legal o trailer, uma boa adaptação dos quadrinhos para o cinema, tal qual foi os x-men...
- Até que a Sogra nos Separe: filme de comédia sobre garota apaixonada por rapaz ter que sofrer na mão da sogra... não é meu tipo de filme... e eu não pago pra ver filme da Jennifer Lopez...
Quarteto Fantástico, assisti na sala 2 do Centerplex Cinemas na Lapa, uma sala pequena com tela de 8 passos de largura mas sem maiores problemas. os traileres que eu vi foram:
- A Ilha: novamente trailer de A Ilha, o filme recebeu uma boa divulgação, mas ainda assim não me cativa...
- Feiticeira: adaptação para o cinema da série clássica sobre a bruxa casada com um homem comum, e a engraçada e atrapalhada relação deles... ótima escolha de Nicole Kidman para o papel...
- Pantera Cor de Rosa: um novo filme do cômico Inspetor Clouseau... esse novo filme da Pantera Cor de Rosa parece que será capaz de garantir bastante risadas... com Steve Martin no papel que ficou clássico nas mãos de Peter Sellers...
- Crônicas de Nárnia: mais um clássico de literatura chega às telas de cinema, As Crônicas de Nárnia parecem que estão destinadas a ser uma nova série de filmes com estilo épico medieval mágico para conquistar legiões de fãs, tal qual Senhor dos Anéis fez... assistirei com certeza...


aí após um grande intervalo, fui ao cinema em novembro assistir ao filme Senhor das Armas, que assisti no Cinemark do Shopping Market Place, na sala 7 que possui uma tela com 9 passos de largura, uma sala razoavel mas o interessante é o detalhe da tela ter proporção 4:3 para exibir os traileres e comerciais e depois se abrir para o 16:9 para a exibição do filme. os traileres que eu vi foram:
- Doom: adaptação do clássico game dos computadores da década de 80 para o cinema... parece que será o tipo de filme com péssimo roteiro apenas para mostrar tiros, monstros e explosões, acho que valerá o ingresso se você não esperar muito do filme...
- A Marcha do Imperador: filme com naipe de documentário sobre as dificuldades que os pinguins passam para procriar. se vcs me verem gastando dinheiro para assistir isso... por favor me internem...
- Tudo em Família: filme tosco sobre família implicando com a namorada do rapaz que veio passar uns dias na casa deles... eita roteiro original hein...
- King Kong: mais um trailer do novo King Kong, em que finalmente parece que o maldito diretor de visão limitada (a.k.a. Peter Jackson) dirige fazendo um bom trabalho aparementemente mantendo as características do original de 1933...
editado pela ultima vez em 11/12/05 @ 070

Revenge of the Sith - 29/05/05 @ 307
Finalmente após assistir Star Wars - Episode III - Revenge of the Sith por 4 vezes vou encarar a difícil tarefa de comentar sobre ele. Difícil pois é um filme por muito tempo esperado, então tentarei deixar de lado minhas expectativas pessoais para falar apenas do que eu achei do filme em si, como ele é, e não como eu gostaria que fosse.

O filme começa bastante interessante com a missão de resgate do Chanceler Palpatine, somos apresentados ao General Grievous (e a trilha sonora nesse instante é uma das melhores que já ouvi) e revemos o Conde Dooku. Alguns acharam a morte de Dooku muito prematura, mas eu não, afinal temos um antigo jedi experiente agora convertido ao lado negro combatendo um jedi ainda novo, porém o jedi experiente tem a velhice como ponto fraco e o jedi novo não é um jedi qualquer é o escolhido, jedi talentoso e habilidoso, que pode por suas habilidades a prova durante a Guerra dos Clones, apesar de Dooku possuir mais potencial do que usou, foi surpreendido por um golpe certeiro que o deixou rendido. Bastante interessante também a postura de Palpatine que não esconde sua maldade diante de Anakin, apenas pois Obi-Wan está desacordado. Palpatine ainda tenta fazer Anakin simplesmente deixar de lado seu mestre, mas ainda falta bastante para que Anakin tombe ao lado negro e os princípios de Anakin o fazem resgatar Obi-Wan.

Personagem paralelo nesse resgate é R2-D2 que no início desse filme assume o papel cômico, demonstrando tantas habilidades que até mesmo poderia ser um jedi. Uma habilidade que não gostei foi ele ter conseguido pegar o comunicador arremessado no ar. Ficou irreal. Porém ele usar choques contra inimigos foi bastante interessante, afinal é um recurso que ele utiliza contra Salacious Crumb e contra os Ewoks em Retorno de Jedi. Novamente da habilidade de R2-D2 de voar utilizando jatos em suas pernas não gostei, afinal é um recurso que ele não utiliza na Trilogia Clássica e em algumas oportunidades faz a Trilogia Clássica ficar sem sentido o porque dele não utilizar deles. Pior ainda o uso dos jatos é o fato deles serem usados pra incendiar uma grande poça de óleo que acaba com 2 Battle Droids. Se droids são tão vulneráveis ao fogo, por que se perde tempo combatendo-os com tiros laser? Usem napalm! Mas toda essa parte cômica é perdoável pois dá ao início do filme um clima leve e descontraído, contribuindo para seu declínio evidente no decorrer do filme. Interessante também que vemos R2-D2 dar aqueles passinhos como se estivesse andando com pernas ao invés de rodas, movimento que não foi feito antes da Nova Trilogia, igual a Trilogia Clássica quando muitas vezes ele se movia dessa forma, ainda que estranha para um robo, assim como o vemos usar aquele visor tipo um periscópio para enxergar de dentro da pilha de droids destruídos, como ele fez para enxergar quando caiu no pantano de Dagobah. Faz uma ponte interessante com a Trilogia Clássica, .

Voltando ao resgate, Palpatine e os jedi acabam ficando pendurados num poço de elevador, e como meu amigo Andarilho comentou, bastante ironica a cara de medo de Palpatine pendurado com medo de cair no poço do elevador, como se fosse já um sinal do seu destino final na Trilogia Clássica. O resgate fracassado os leva diretamente ao encontro do General Grievous, personagem bastante interessante. Nesse ponto do filme ainda há o aspecto cômico nos droids, quando um deles entrega os sabres de luz dos jedi ao Gal. Grievous, que pega grosseiramente, e o droid responde com um "de nada", ou também quando vemos droids pensando em fugir! Que diabos de programa é esse que eles possuem que permite tal pensamento?

No filme Gal. Grievous decepciona um pouco, ainda mais para quem não tiver assistido Clone Wars para saber a razão pela qual ele parece ser fraco, mas mesmo para quem viu Mace feri-lo gravemente no capítulo 25 de Clone Wars, Grievous acaba ficando decepcionante por não demonstrar toda a habilidade que ele possui no desenho.

O filme prossegue com uma aterrisagem forçada no planeta, mostrando uma cena que me lembrou bastante Impacto Profundo, quando a parte pequena do meteoro acaba caindo na Terra. Detalhe que antes disso a nave se parte ao meio. Seria isso uma referência ao Titanic de James Cameron, amigo de George Lucas? O resgate é concluído e o chanceler é recebido por um grupo de senadores. Nesse ponto há um dialogo entre Anakin e Obi-Wan que está na porta de uma nave. Acabei reparando que os reflexos de naves que passam no vidro da nave se repetem várias vezes, uma nave bastante quadrada que vai para o lado esquerdo, e pouco depois acima de onde ela passa vem duas naves compridas para o lado direito. Esses reflexos aparecem umas 3 vezes. Ahh, não vamos esquecer que pouco antes da nave dos jedi pousar trazendo o chanceler para esse grupo de senadores vemos uma fragata corelliana pousando num hangar próximo, uma clara homenagem à Millenium Falcon (logicamente que dentro da história do filme não podemos considera-la sendo a mesma nave).

Temos uma cena de romance entre Anakin e Padme Amidala que é interessante por seu diálogo. Anakin diz que Padme é linda. Ela diz que é por estar apaixonada. Ele responde que na verdade é por ele estar apaixonado. Ela questiona se o amor o deixou cego. Ele diz que não foi isso que quis dizer e ela sentencia que mesmo assim é verdade. Talvez outras pessoas não tenham dado valor a essas palavras, mas veja como Padme estava correta: o amor deixou Anakin cego, tão cego a ponto de cometer os atos que virão por causa desse amor.

Depois temos a ida de Anakin ao balé/ópera para conversar com Palpatine, onde antes dele entrar, enquanto ele sobe escadas vemos facilmente a participação de George Lucas ao lado de sua filha no filme como figurantes.

A construção da queda de Anakin continua quando as dúvidas começam a aparecer: medo de perder Padme; conselho de Yoda de se desgarrar das coisas; promessa de Palpatine de poderes capazes de impedir a morte; a desconfiança do Conselho Jedi ao chanceler e à relação entre ele e Anakin; a desconfiança (forjada e proposital) de Palpatine de que os jedi querem tomar o poder; a revelação de Palpatine ser o Sith Lord; a postura arrogante de Mace Windu no duelo com Palpatine, onde o chanceler soube ser esperto e se fazer de vítima perfeitamente.

Diante de uma situação tão confusa, foi apenas uma coisa que fez Anakin decidir que caminho trilhar: o amor por Padme, como ela mesma disse o cegou. Mace Windu sofre as consequencias de sua arrogancia, apesar de não se poder dizer com certeza que tenha morrido, afinal não vimos seu corpo morto. Se Boba pode escapar do Sarlaac, não se surpreendam se Mace estiver vivo.

Yoda em Kashyyyk comanda uma batalha que foi feita como homenagem ao amigo de George Lucas, Steven Spielberg. Os elementos de Resgate do Soldado Ryan são evidentes. Como meu amigo Slau comentou há até aquela bomba grudenta, colocada no veículo inimigo por um wookie que dá o grito do Tarzan, como meu amigo Goleth comentou. Grito por grito também temos o Wilhelm no inicío do filme, quando um clone canhoeiro cai após a explosão do seu canhão.

Num primeiro instante, a versão deformada de Palpatine parece ser bizarra, muito mal feita, mas basta que ele coloque o capuz para vermos como ele está perfeitamente parecido com o Imperador em Retorno de Jedi, mesmo que algumas vezes antes dele por o capuz eu tenha me lembrado do Dracula, talvez outra homenagem, dessa vez ao seu amigo Francis Ford Coppola.

Outro aspecto curioso do filme é a cena em que Obi-Wan vai pegar sua nave para ir a Utapau, procurar por Gal. Grievous. Enquanto ele conversa com Comandante Cody, há no fundo várias naves estacionadas e clones fazendo aqueles reparos e aquelas soldas, exatamente como no hangar antes da batalha final de ANH ou na Echo Base em Roth. Aquele som de solda e aquela imagem das faíscas fazem conexão perfeita com a Trilogia Clássica.

Muitos disseram que a queda de Anakin foi muito brusca, mas não foi. Temos que encarar que ela começou há muito tempo, quando Anakin matou os tusken, quando Anakin derrotou Assajj Ventress em Clone Wars, quando Anakin desrespeita o Conselho Jedi mantendo o relacionamento escondido com Padme, durante todo o tempo em que Palpatine inflou o ego de Anakin dizendo que ele era o mais poderoso de todos e que o Conselho Jedi não enxergava isso... e que os ultimos eventos, a morte de Dooku, a postura dos jedi e principalmente a arrogancia de Mace Windu e sua falta de conduta ao tentar matar o Supremo Chanceler, fazem com que toda a imagem da realidade que Palpatine criou para Anakin enxergar faça sentido.

O batismo de Darth Vader dentro do filme é um pouco fraco, afinal parece que é um nome qualquer, quando todos nós queriamos um simbolismo mais forte, mas o nome que vem de Dark Father, pai sombrio, aqui fora do filme, dentro do filme parece ser apenas um nome, talvez tenha algum significado na antiga lingua dos Sith, mas aí Palpatine não demonstra as suas razões para o nome.

Gal. Grievous é explorado pela ultima vez, em seu combate contra Obi-Wan. Alguns disseram que ele porta os sabres de Anakin e Obi-Wan e que isso seria errado. Não sou especialista em sabres mas talvez sejam apenas sabres parecidos. Interessante o desfecho da batalha com Obi-Wan tendo que recorrer a uma forma tão incivilizada. Ligação direta com a Trilogia Clássica e mais um ponto que constroi a personalidade de Obi-Wan.

A execução da Ordem 66 talvez seja o momento mais pesado do filme, pois vemos jedi sendo mortos covardemente. Ki-Adi ainda tenta se defender, Ayla Secura não tem essa chance. Plo-Koon é atingido por 'fogo amigo' (será que seu radar não mostraria ataque vindo de nave amiga?). Luminara Unduli apesar de aparecer muito brevemente na primeira cena de Kashyyyk não tem mostrado o seu destino. Yoda por sua vez se safa, é ajudado por Chewbacca (totalmente descartável nesse filme) e parte de Kashyyyk numa nave que respeitada suas proporções lembra um pouco a partida de E.T. Anakin entra no Templo Jedi com pelotões de clones e demonstra sua total corrupção ao lado negro sendo impiedoso com os younglings. As palavras de Palpatine não poderiam ser mais adequadas: "Every single jedi is now an enemy of the Republic! Do what must be done! Do not hesitate! Show no mercy!"

Palpatine indo ao senado e declarando que a República será remodelada em Império, para manter a paz na sociedade, e sendo aclamado com aplausos por todos é uma cena memorável. Principalmente porque houve muita discussão quanto a como o Império era visto na galáxia, e eu sempre acreditei que o Império tinha uma boa parcela da população em seu favor, afinal, Palpatine foi o herói que libertou a galáxia da ameaça dos Separatistas, e que depois acaba se tornando aquele que protege a sociedade contra a ameaça terrorista dos rebeldes da Aliança. Tudo é questão de marketing. E Palpatine soube fazer o seu. Não é a toa que eu creio claramente que o Império recrutava soldados e que havia bastante jovens dispostos a se unirem e servirem ao Império. "Não pergunte o que o Império pode fazer por você mas o que você pode fazer pelo Império!". Ser stormtrooper e viver uma vida de aventura e emoção, viajando para diversos locais, e servindo ao governo que protege sua sociedade pode ser uma forma de vida bastante interessante para pobres jovens de sistemas remotos. Mas o detalhe interessante dessa sequencia é que enquanto todos estão ali aplaudindo o vilão, Padme está refletindo sobre isso, dizendo que a democracia morre com o som de aplausos, e para demonstrar essa sua pureza, sua inocência, o detalhe em seu penteado, o objeto que prende seu cabelo forma em sua cabeça a forma de uma auréola, como se desse à Padme uma santidade, demonstrando que ela não estava envolvida com esses acontecimentos.

No instante da fuga de Obi-Wan a bordo de uma nave que eu creio que era do Gal. Grievous (nave com estilo bastante legal, que lembra carros dos anos 50) ele recebe uma comunicação do senador Bail Organa e ele comenta que não recebeu resposta da frequencia 913. Eu tentei achar o 1138 nesse filme e não consegui outra possibilidade senão: pegue 913, subtraia 8 do 9 inicial e jogue para trás, resta 1 no inicio e fica 1138. Outra possibilidade que pensei mas é fantasiosa demais é: quando Yoda está conversando com o Conselho Jedi durante sua estadia em Kashyyyk, há uma cena do Conselho Jedi, há 8 jedi sentados, 3 deles são hologramas. Poderiamos assim talvez pensar em 11 sendo Obi-Wan e Anakin que estão no Conselho, 3 sendo os jedi em holograma e 8 sendo seu total.

Detalhes a parte, vamos às lutas. Ponto que eu tanto temia nesse filme, mas não me decepcionei, exceto pela falta de habilidade de Grievous, que era tão articulado no desenho e só vi essa habilidade dele quando ele vai montar em sua moto num movimento que parece uma cambalhota. Durante a luta ele é bastante fraco, ao ponto de deixar ser amputado por duas vezes, por apenas 1 jedi, quando ele era capaz de acabar com um grupo de 4 jedis em Clone Wars.

Palpatine era alguém que eu não desejava ver lutando, mas gostei de uma coisa, percebi que ele não é bom no manejo de um sabre de luz, realmente ele prefere usar os poderes do lado negro para desferir raios ou então usar de truques sujos, somente utilizando o sabre quando não há outra alternativa. Contra Mace e os outros jedi ele teve que sacar o sabre pois os jedi já chegaram com armas em punho, mas ele se valeu do efeito surpresa e acabou rapidamente com Eeth Koth, Saasse Tin e Kit Fisto. Para aqueles que julgaram que eles morreram facilmente, eu encaro assim: quando Mace se dirigia para o hangar para ir prender Palpatine, ele está acompanhado dos outros jedi, Anakin chega para falar com ele, revelando que acredita que o Sith Lord é o chanceler, mas nessa conversa os outros jedi já embarcaram na nave, somente Mace Windu ouviu a conversa, e arrogante como ele é, não deve ter comentado nada com os outros jedi por não confiar no que Anakin disse até poder comprovar com seus próprios olhos. Assim Mace Windu chega no gabinete do chanceler esperando encontrar um Sith Lord enquanto os outros apenas esperam prender um simples senador. Ponto para o efeito surpresa de Palpatine nesse instante. E bem feito para o Kit Fisto, assim ele não irá mais sorrir como na batalha de Geonosis, ou no pior dos capítulos de Clone Wars. E contra Yoda, o plano dele era fugir, foi forçado a lutar com o sabre (que alguns questionaram onde ele arranjou sendo que perdeu o outro pouco depois de estourar a janela da sua sala), mas logo que mudou de campo de batalha, mudou sua estratégia.

Já que falamos de Yoda, esse era o que eu mais falava mal, devido sua luta em Ataque dos Clones ter sido ridícula, gratuíta, desnecessária, ilógica, contraditória aos princípios que ele pregava, idiota pelo fato de Yoda ter caído num joguete de Dooku, e toda a luta em si ter sido feita apenas para agradar ao público, a juventude corre-pula-tiro-explode. Dentro do filme ela não tinha razão de existir, suas razões eram fora do filme. Pois mesmo com todos esses pontos negativos para uma luta do Yoda, em A Vingança dos Sith, Yoda luta, e eu gosto! Sua luta tem um propósito: diante da desesperadora situação, com tantos jedi mortos, a República tombando para dar lugar a um Império, a única alternativa seria tentar eliminar o mal drasticamente, e os únicos para tal tarefa eram Yoda e Obi-Wan, e Yoda não julgava Obi-Wan preparado o suficiente para encarar um Sith Lord. Portanto sua luta com Palpatine é plenamente justificável e possui um contexto. Não é apenas pra agradar o público. Sua chegada já tem bastante estilo, quando os guardas imperiais tentam alguma reação e são facilmente nocauteados. Palpatine logo demonstra seu poder com o lado negro, mas Yoda também demonstra que é forte com a Força, o que faz Palpatine pensar em fugir, mas Yoda bloqueia sua fuga e o obriga a lutar com o sabre. Mas assim que pode Palpatine muda a estratégia já que sabe que não é bom usando lightsaber. Palpatine começa a arremessar plataformas flutuantes dos senadores, e podemos ver que Yoda quer lutar com sabre, pois ele desliga o sabre, desvia das plataformas arremessadas e volta sempre a ligar o sabre, até o ponto que alcança Palpatine na plataforma em que ele está, mas sofre um golpe, de raio lógico, perde seu sabre e acaba tombando. Diante dessa situação desfavorável só resta a Yoda fugir. Quem diria que esse é o Yoda do "Do or do not, there is no try!".

Anakin eliminando os separatistas apesar de mostrar seus assassinatos claramente não é tão pesado quanto a cena dele ligar o sabre diante dos younglings. Engraçado é que a edição da forma como foi feita até cortou parte dos atos dele, pois pouco antes dele matar Nute Gunray vemos a sala de reunião com aquela longa mesa e na cabeceira está em pé e vivo aquele alien da União das Máquinas (aquele que no Episódio 2 tinha um sintonizador de rádio no peito), e não é mostrado como Anakin o mata, depois vemos apenas o corpo dele caído perto daquela mesa e Anakin admirando a paisagem.

Interessante a capacidade de se camuflar de Obi-Wan, pois quando ele chega em Utapau ele consegue fazer todos nós não vermos que ele não está na sua nave quando ela parte, mas tudo bem que aí foi de propósito, afinal o truque está na forma como o filme é editado, mas o problema é que somente na 4a. vez que eu vi o filme que eu o vi entrando na nave de Padme antes dela ir para Mustafar! Pois bem, Padme chega em Mustafar e encontra com Anakin, e o dialogo deles também tem mais referencias à Trilogia Clássica, quando Anakin propõe "Join me and together we can rule the galaxy". Ahh... não comentei antes, mas Palpatine fala para Anakin "Search your feelings", mais uma frase que remete à Trilogia Clássica. O diálogo entre Anakin e Padme é triste, pois nos mostra que Padme também esteve cega por amor só que agora ela percebe a realidade. Interessante o aspecto ciúmes nessa relação. Desde o início do filme quando Padme pergunta se Obi-Wan os poderia ajudar quanto ao bebê, Anakin já demonstra ficar incomodado e querer deixar Obi-Wan de lado. Nesse dialogo então Padme fala que Obi-Wan estava certo e pior de tudo, ele ainda por cima aparece, saindo da nave dela! Eu compreendo o que Anakin pensou de sua amada. E também o que ele pensa de Obi-Wan, bastante claro quando ele fala "You will not take her from me!". Para alguém que já saiu matando todos os jedi por aí, abraçou o mal de peito aberto, tudo por amor a essa mulher, ir contra seu mestre, que considera como um pai, um irmão, pode ser difícil, mas dá pra encarar. E é o que Anakin faz, pois durante toda a luta praticamente Obi-Wan se conteve, e Anakin que avançou. Interessante também que Anakin fala antes da luta "Don't make me kill you" que também remete a outra fala da Trilogia Clássica, o "Don't make me destroy you" que ele fala para Luke em Império Contra-Ataca.

Na luta há o terrível erro de edição em que Anakin aparece forçando o sabre de Obi-Wan contra ele, e num corte de cena pra mostrar outro angulo ele já está empurrando a mão de Obi-Wan segurando seu sabre, não o de Obi-Wan como antes, mas quem viu isso viu, quem não viu, depois do cinema não vai ver, pois duvido que quando sair o DVD isso esteja lá. Exatamente igual ao final de Ataque dos Clones, onde Padme no casamento não segurava a mão mecânica de Anakin, e no DVD ela segura.

A luta prossegue para o rio de lava e a única coisa que eu não gosto é o fato de Obi-Wan ficar apoiado sobre uma plataforma, Anakin sobre um droid, e estes irem onde eles querem como se estivessem sendo conduzidos. Não creio que uma justificativa do tipo dizendo que eles estavam conduzindo suas bases através da Força convença, mas tudo bem. Então finalmente Anakin faz Darth Maul ser o maior idiota da saga Star Wars, mais idiota até mesmo que os membros da família Fett. Boba Fett foi atingido pelas costas e seu jetpack foi danificado. Jango Fett podia ser estúpido ao ponto de sempre depender de seu jetpack e mesmo assim o deixar ser danificado por 2 vezes, mas era inteligente pelo menos. Mas Darth Maul é estúpido! O cara é super ágil a ponto de fazer toda aquela macaquice (que para quem não sabe é outra luta que eu abomino além da do Yoda no Episódio 2) mas mesmo portando um sabre de luz ligado em sua mão, ele é capaz de deixar Obi-Wan pegar impulso, pular, puxar o sabre com a Força, passar por cima de sua cabeça e cair no chão, pegar o sabre, liga-lo, girar o corpo e corta-lo ao meio! Obi-Wan não deixou Anakin nem mesmo ameaçar fazer algo parecido. Obi-Wan avisou para ele não fazer aquilo, mas Anakin cego de raiva avançou, apenas para cair sem as duas pernas e sem o braço organico que ainda tinha. Detalhe para uma pequena contagem: 2 mãos de Dooku, a cabeça de Dooku, 1 cabeça do guarda-costas do Grievous, 2 mãos de Grievous, 1 braço do Mace Windu, 2 cabeças de clones cortadas por Yoda num golpe só, e agora 2 pernas e mais 1 braço do Anakin, acho que esse filme é recorde de desmembramentos e decapitações.

Obi-Wan demonstra todo seu desapontamento com seu padawan quando apenas se vira de costas, pega o sabre no chão de Anakin no chão e vai embora. Interessante também vermos que mais uma coisa da personalidade de Obi-Wan é construída. A de que muitas das verdades que acreditamos depende do nosso ponto de vista. Anakin não deixou sabre nenhum para ser entregue ao seu filho, mas com certeza era assim que Obi-Wan desejava que fosse, e por isso assim contou à Luke na Trilogia Clássica. Porém Obi-Wan não foi prudente de ter total certeza do fim de seu padawan, pois como diz o ditado, vaso ruim não quebra fácil, e Anakin mutilado, queimado, a beira de um rio de lava, não morre!
Vemos sua mão mecânica se esforçando para mover seu corpo (e cá entre nós eu achei a mão mecânica parecida demais com a mão do Terminator, seria mais uma referência de George Lucas ao seu amigo James Cameron?) e então Darth Sidious chega para resgatar o corpo mutilado de Anakin.

Temos então uma sequencia interessante: Padme em mesa de parto com visão superior e simultaneamente Anakin em mesa de operação também com visão superior. Há bastante ironia nessa sequencia. O nascimento dos bebês, que são a nova esperança, e a morte de Anakin Skywalker que era a esperança de ser o escolhido para trazer equilíbrio à Força. Ao mesmo tempo é a morte de Padme Amidala, o que Anakin tanto temia, e que por seus próprios atos acabou ocorrendo, e o nascimento de Darth Vader, o preço que Anakin Skywalker pagou para tentar salvar Padme! Eu não queria os bebês nos filmes, por duas razões principais: primeiro que Obi-Wan na Trilogia Clássica dizia "O Imperador sabia, como eu, que se Anakin Skywalker tivesse descendência, ela seria uma ameaça a ele", e por essa frase eu julgava que Anakin nunca poderia saber que Padme esteve gravida, portanto no filme Padme só poderia estar levemente grávida, isso é, grávida de pouco tempo. Além disso, Léia diz ter recordações de sua mãe, como uma pessoa bela porém triste, e para Léia se lembrar de sua mãe elas teriam que ter convivido por algum tempo. Fato é: os bebês nasceram, Vader sabia que Padmé estava gravida, mas não sabia que eram gemeos, foi dito a Vader que Padme morreu e os jedi sabiamente enterraram Padme com uma barriga falsa. Mas e Léia? Para tapar esse buraco há diversas teorias. Cheguei a ouvir de minha amiga Cris que talvez seria o fato do bebê Luke ter nascido de olhos fechados, enquanto o bebê Léia de olhos abertos, teoria essa que foi por terra na última vez que vi o filme, já que ambos os bebês estão de olhos fechados. O que restá é considerar que já que Léia e Luke são sensitivos da Força, Léia foi capaz através dessa capacidade de sentir a tristeza de sua mãe durante a gestação, já que foi uma gestação triste para Padme, ficar longe de seu amado, sofrendo imaginando se ele voltaria ou não de cada batalha na Guerra dos Clones e depois o pior de tudo, encarar que seu amado tombou para o Lado Negro e que a atacou. Isso seria motivos suficientes para Padme ter uma gravidez bastante triste ao ponto de Léia, sendo mulher e portanto mais sensível a sentimentos, e ainda mais uma sensitiva da Força, perceber essa tristeza. E o fato de Léia dizer que sua mãe é bela é facilmente justificável considerando que Bail teria mostrado fotos de Amidala pra Léia, até pq em questão de história, não haveria senso em Bail esconder isso de Léia, uma vez que essa adoção é um reflexo da vida real, onde George Lucas possui 3 filhos adotados e se orgulha disso. Mais um ponto a favor disso é o que meu amigo Thom comentou: Luke pergunta para Léia se ela se lembra de sua mãe, sua verdadeira mãe, indicando que Luke queria saber se Léia se lembrava algo de Padme, uma vez que Luke não quer saber da esposa de Organa e que para ele perguntar assim, sobre a verdadeira mãe, o fato de Léia ser adotada não deveria ser segredo para ninguém.

Não lembro quem comentou que não gostou também da forma como Padme batiza as crianças, meio ao acaso, mas nao acho que foi ao acaso, talvez para Palpatine dar o nome Darth Vader sim, mas não para Padme, afinal um dos hábitos de toda mulher grávida é ficar escolhendo nome da criança, e pra se garantir, geralmente se pensa um nome caso nasça um menino e outro nome caso nasça uma menina. Padme teve a chance de usar os dois nomes que pensou durante sua gravidez já que teve gêmeos de ambos os sexos. Oras é tão fácil aceitar essa idéia que não sei pra que se tenta complicar.

Só pra comentar mais uma falha de edição do filme que não vi ninguém comentar, e talvez até saiba o porque. No final da transformação de Anakin em Vader, vemos seu rosto totalmente deformado, seu queixo e pescoço queimado, isso é, ele naõ está utilizando a parte de baixo de seu capacete, ele não foi colocado. A mascara está ali no alto e começa a ser baixada, e Vader não está com a parte de baixo da máscara. A cena muda de angulo, vemos a visão de Vader, o que ele em todos esses anos viu através daquele capacete e então a máscara se encaixa na parte de baixo do capacete! Ué, mas ela não estava lá! Pois é, George Lucas deveria diminuir um pouco o salário de Ben Burtt. Acho engraçado ninguém ter comentado disso ainda. Talvez seja a emoção do momento que faz com que ninguém se apegue a esse tipo de detalhe, mas para alguém como eu, que foi capaz de perceber que o sol em Tróia nasce do lado errado, ver que faltava uma parte da máscara de Vader foi fácil. Difícil mesmo é só ver Obi-Wan entrando em lugares escondidos, hehehe!

Agora algo que vi muita gente comentar e que aconteceu o mesmo comigo, foi logo após a transformação. A primeira coisa que Vader fala é perguntar sobre Padme! Nunca imaginei a figura do vilão que por tanto tempo conheci se preocupando com alguém. Realmente esse filme mudou a forma como vemos a Trilogia Clássica. Não consigo mais ver Darth Vader como um vilão, apenas como uma vítima das circunstâncias, alguém que fez tudo que fez por amor a alguém e perdeu esse alguém. É um destino triste. Curioso também que na primeira vez que vi o filme, diversas cenas me deixaram com os olhos marejados, mas não chorei nenhuma vez. Apenas na terceira vez que fui ver o filme, acabei chorando quando Vader descobre que sua amada está perdida. Estranho essa sensação de perda não ter mexido comigo antes.

Padme é enterrada numa grande cerimônia em Naboo, e finalmente George Lucas honrou os atores que contratou no Episódio 2 para serem a família de Padme e simplesmente cortou suas cenas do filme, incluindo-os apenas nos extras do DVD. Dessa vez esses atores puderam mostrar seus rostos. Até Jar Jar que teve menos participação que C-3PO (que já foi bastante figurante nesse filme) pode aparecer um pouco mais.

O bebê Léia é dado a Bail que leva para sua esposa em Alderaan, e que a recebe com alegria no rosto, mais um indício que não há motivos para a esposa de Organa ser a mãe triste de que Léia se recorda.
O bebê Luke é entregue por Obi-Wan para Beru, que fecha o filme com uma bela cena ao lado de Owen, admirando o duplo por do sol de Tatooine.

Num aspecto geral esse filme apesar de ser para mostrar o nascimento de Darth Vader como evento mais importante, ele é claramente roubado por Ian McDiarmid, em sua brilhante interpretação no papel de Palpatine. O filme é todo dele, é ele quem conduz todas as peças desse imenso xadrez. Parabéns para o brilhante ator.

Hayden, Natalie Portman, Ewan e os outros cumprem bem o seu papel, mas não julgo que mereçam nenhum comentário excepcional. Yoda CGI continua feio e nada parecido com o boneco da Trilogia Clássica, que pra mim é sagrado, e podem me chamar de purista absoluter a vontade. Mas admito que dessa vez sua luta no filme teve propósito e que sem o CGI ela seria impossível.

A trilha sonora é magnífica, realmente John Willians é mestre em seu trabalho. Muitos elogiaram o tema na sequencia silenciosa de Padme e Anakin admirando o por do sol e refletindo sobre seus destinos. Infelizmente apesar da cena ser muito bela eu não gostei tanto de sua música, pois em todas as vezes que a vi lembrei de como aquele tipo de música com aquelas vozes cantarolando já foram usadas e saturadas em filmes como Gladiador, Tróia e afins. Mas gostei bastante da música que toca na primeira aparição do Gal. Grievous. Gostei também de ouvir Duel of Fates durante Yoda versus Palpatine. Assim como Marcha Imperial por aqui e Tema da Força por ali e acolá.

Assisti ao filme a primeira vez na pré-estréia na meia-noite do dia 18 para 19, no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul, na sala 10, com projeção digital, e não posso dizer com certeza, mas apareceu dizendo que a sala era THX Certified Cinema, e realmente o som estava FODA! Não lembrei de medir a tela mas pela minha experiência está entre 10 e 12 passos de largura. Não houve traileres, apenas Star Wars. Único ponto negativo para a projeção digital foi o filme ter começado com a lente errada colocada no projetor, dando no início do filme um aspecto meio esticado para os lados, que logo foi corrigido (a tela ficou preta por 1 segundo quando trocaram pela lente correta) e o problema da versão digital distribuída pela Fox conter os erros de legendagem, quando por 2 vezes Padme fala "Threepio" e na legenda aparece "R3", e na sequencia final onde Bail diz para apagar a memória do droid de protocolo, que é importante frisar pois R2 não teve sua memória apagada, e a legenda diz ao capitão Antilles "e apague o programa de suas mentes", dessa forma dando a entender que R2 também será apagado e fazendo com que a risada eletrônica que ele dá fique sem sentido. Mas também querer o que de uma empresa que muda nome de personagens para Dookan e Zaivo Vias!

Assisti pela segunda vez no dia 19 de maio, no cinema do Shopping Morumbi, que é de uma empresa chamada Cinearte, na sala 3, com projeção de película, mas achei a película bastante boa e limpa, talvez por ser o primeiro dia de exibição, o som não era THX, era Dolby Digital, mas devia ou estar com qualidade demais ou volume no talo pois foi ótimo! A tela da sala media 11 passos largura, e eu cheguei um pouco atrasado e só vi segundos finais do trailer de Quarteto Fantástico.

Assisti pela terceira vez no dia 23 de maio, no cinema do Shopping Taboão, que é da empresa Cinematográfica Araújo, na sala 2, tela com 12 passos de largura, sala com projeção de película e som dublado! E vou dizer, gostei da versão dublada sim, mesmo com a voz de Anakin Super Man Smallville, a voz de Padme ser acho que da lourinha do Smallville e de eu ter me assustado com a voz de Palpatine, pouco após sua deformação, ser extremamente parecida com a voz do antigo dublador de Darth Vader na versão da Globo que passava na Tela Quente, gostei bastante da versão dublada, e considero que os dubladores interpretaram sim, não apenas narraram suas falas sem expressão ou emoção durante o filme. E Threepio é chamado de C-3PO e Organa fala claramente para apagar a memória do droid de protocolo. Ponto pra dublagem! Cheguei atrasado para o filme, e portanto nao vi trailer algum, nem sequer a vinheta de qual padrão de som foi aplicado, entrei na sala tava tudo escuro que mal podia andar e logo fui surpreendido pela fanfarra da Fox, somente graças a luz emitida pelo logotipo da Lucasfilm consegui enxergar um lugar para sentar. O detalhe dessa sessão foi que o cinema do Shopping Taboão fica com o ingresso retido. A moça na porta da sala de cinema pegou o meu ingresso pra conferir e logo o rasgou no meio, o que me fez gritar e pedir para ela me devolver. Ela disse que teria que ficar com o ingresso por ser norma da empresa, e eu disse que tenho todos os ingressos dos últimos 7 anos e que não me foi avisado que o ingresso ficaria retido. Ela falou que eu poderia falar com o gerente ao fim da sessão e eu pedi para ela separar meu ingresso. Fim do filme, conversei com o gerente e nada dele liberar, disse que somente com autorização da matriz, disse para eu entrar em contato nos dados contidos num folheto e aguardar, e que o máximo que ele poderia me dar era um recibo, o qual eu peguei. A empresa não tem site na internet, no folheto havia apenas um telefone que fala a programação das salas e um email @terra. Cacei de todas as formas na internet e nada. Fiquei puto e voltei lá no dia seguinte para querer um telefone da matriz. Não consegui falar com o gerente. No dia seguinte, acabei achando na internet o site de uma empresa de informática que fez o sistema de informática para a empresa de cinema. Liguei para eles, pedi o telefone da empresa de cinema, liguei para a empresa, conversei com a moça de lá e pedi pra ela autorizar o gerente a me dar o meu ingresso. Ela falou que iria ligar para ele. Sem confirmação nenhuma eu fui novamente ao cinema, consegui conversar com o gerente, ele me explicou tudo e falou que a matriz achou engraçada a minha estória e deixou ele me liberar o meu ingresso. Finalmente consegui por as mãos nas duas metades do meu ingresso rasgado para guarda-lo. Ninguém se mete com Landau.

Depois assisti o filme pela quarta vez no dia 26 de maio, com o Thom, o qual estava junto na pré-estréia, e com o Goleth, que havia perdido a pré-estréia por falta de ingresso. Fomos ao Shopping Jardim Sul, assistimos na sala 9, a maior do UCI, com projeção de película, mas numa tela com 19 passos de largura. Som dolby digital, mas achei fraco e baixo, acho que THX me acostumou mal. Mas o pior desse dia mesmo foi eu ter perdido meu telefone celular. Nessa sessão cheguei antecipadamente e consegui ver todos os traileres: Batman Begins, Guerra dos Mundos, Guia do Mochileiro das Galáxias e Quarteto Fantástico.

Resumindo tudo, considero Revenge of the Sith o segundo melhor filme da saga. Os coloco em ordem de preferência da seguinte forma:
Star Wars - Episode V - The Empire Strikes Back
Star Wars - Episode III - Revenge of the Sith
Star Wars - Episode IV - A New Hope
Star Wars - Episode VI - Return of the Jedi
Star Wars - Episode I - The Phantom Menace
Star Wars - Episode II - Attack of the Clones

The circle is now complete!
editado pela ultima vez em 29/05/05 @ 312

pequeno susto... - 13/05/05 @ 833
hoje meu amigo Musashi me assustou... disse que leu no fórum de Star Wars do site Cinema em Cena que Revenge of the Sith teria estreado hoje num cinema de Fortaleza... porém eu corri atrás da informação e verifiquei... liguei para o cinema, ouvi a gravação, teclei 1 para ouvir os filmes em cartaz e depois 4 para ouvir os horários de Revenge of the Sith e felizmente ao fim da gravação ouvi que a data de estréia é dia 19 de maio mesmo. Musashi já até acabou com o boato lá no Cinema em Cena
editado pela ultima vez em 13/05/05 @ 848

A Queda e Cruzada - 08/05/05 @ 788
fui no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul para assistir A Queda - As Últimas Horas de Hitler e Cruzada... o primeiro assisti na sala 2 (que nao tive tempo de medir pois sai correndo dela ao fim da sessão para assistir ao outro filme) e vi os traileres de: Madagascar, que parece ser um divertido filme de animação... adorei os pinguins... A Selva, que é um filme brasileiro que se passa onde? Amazônia! Bingo! Melinda e Melinda, um filme do Woody Allen que parece ser muito ruim... Visões que é um filme de Hong Kong sobre uma grávida que vê umas paradas meio loucas... parece ser um filme de terror, mas não sei se o filme terá capacidade de criar tensão suficiente pra assustar...
depois de assistir A Queda, saí correndo da sala de cinema para entrar na sala 9 e assistir o Cruzada que eu detestei... mas quem quiser saber minha opinião completa sobre os filmes, leia minhas resenhas publicadas no Blog do Barbosa...
e só pra constar: EU JÁ TENHO MEU INGRESSO COMPRADO PARA ASSISTIR A PRÉ-ESTRÉIA DE REVENGE OF THE SITH NA MADRUGADA DE QUARTA (18) PARA QUINTA (19) À MEIA-NOITE NA SALA DIGITAL DO UCI CINEMA do SHOPPING JARDIM SUL...
tirando o atraso... - 08/05/05 @ 716
já fazia algum tempo que eu não atualizava meu site... mas resolvi dedicar algum tempo a ele... e portanto tenho que atualizar um pouco a minha agenda de cinema...
Os últimos filmes que eu assisti foram:

O Grito, o qual foi uma porcaria tremenda, tão chato que me fez dormir na sala de cinema de tanto tédio... assisti na sala 4 do Playarte Cinema do Shopping West Plaza, que é minúscula mas como eu acordei sonolento no fim da sessão não me lembrei de medir o tamanho da tela...

Closer, que é um filme maravilhoso, muito bem feito com dialogos geniais e ótimas atuações... antes de assisti-lo perguntei se teria o teaser trailer de Revenge of the Sith na sala em que eu ia assistir, como não tinha pedi pra entrar numa sala que tivesse só para ve-lo... entrei na sala 2 do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul e vi os seguintes traileres: Revenge of the Sith, Batman Begins, Guerra dos Mundos e Aviador... depois entrei na sala 4 (que sua tela mede 13 passos de largura) e vi os traileres de: Sideways - Entre Umas e Outras, Entrando numa Fria Maior Ainda, O Casamento de Romeu e Julieta e Ray...

12 Homens e Outro Segredo, que eu assisti no Cinemark do Shopping Colinas em São José dos Campos... o qual me estressou pois a mulher da bilheteria não queria me vender a meia entrada dizendo que minha carteirinha da faculdade não provava que eu estava ainda cursando... e eu falei que em qualquer cinema de São Paulo eu pagava meia entrada e que não ia ser num cinema da roça que ela ia me barrar... ela acabou vendendo a meia... pra aprender a não se meter com Landau... nesse dia vi os traileres de: Espanglês, Mais Uma Vez Amor, Guerra dos Mundos, O Lenhador e Herói...

Closer mereceu mais uma ida ao cinema... e novamente eu entrei em outra sala do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul para ver traileres enquanto esperava a sessão começar... na sala 9 vi os traileres de: Chamado 2, O Casamento de Romeu e Julieta, Robôs e Constantine... depois fui para a sala 4 para ver o filme e vi os traileres de: Reencarnação, O Vôo da Fênix, Ladrão de Diamantes e Constantine...

Fantasma da Ópera, eu assisti na sala 5 (12 passos de largura) do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul... lá eu vi os seguintes traileres: Constantine (numa versão diferente), Mais Uma Vez Amor, A Intérprete e O Vôo da Fênix...

Robôs, eu assisti na sala 11 (mísera tela com 9 passos de largura) do Cinemark do Shopping Metrô Santa Cruz e lá eu vi os traileres de: A Era do Gelo 2, Operação Babá, Madagascar, Filho do Máscara e mais uma vez o teaser trailer de Revenge of the Sith...
editado pela ultima vez em 09/05/05 @ 123

Os Incríveis - 14/12/04 @ 641
estive nesse domingo no Shopping D para assistir ao filme Os Incríveis... na verdade fui mais pela minha companhia do que pelo filme em si... mas acabou valendo a pena... o filme não é ruim... é bastante legal... e mesmo assistindo dublado, foi bastante divertido... a sala de cinema... mais uma do maldito Cinemark até que não era ruim... não fiquei com dor nas costas dessa vez... e não tive tempo de prestar atenção se havia defeitos na forração interna da sala... pois quando entrei a sala já estava escura... os trailers foram todos de filmes infantis... Tainá 2... Eliana em o Segredo dos Golfinhos e Xuxa e o Tesouro da Cidade Perdida... nada que me interessasse... ao fim do filme fiz a clássica medição da tela de projeção sala... e a tela da sala 4 do Cinemark do Shopping D mede 16 passos largos de largura... hehehe... a sala 9 do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul com seus impressionantes 19 passos de largura continua insuperável... do filme guardei uma frase... "eu ainda não estou forte"...
editado pela ultima vez em 14/12/04 @ 643

Captain Sky - 23/11/04 @ 878
sexta feira assisti Captain Sky... cheguei no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul às 21h45m e a maldita sessão havia começado às 21h30m... logo só me restava esperar... pelo menos nesse tempo recebi a ligação de uma gatinha que valeu a pena :D ... depois de esperar até as 23h50m entrei na sala 5 que estava projetando o filme. Maldição! eles preferiram colocar Os Esquecidos na sala 9, que é a maior! diabos! mas tudo bem, pelo menos não assisti numa sala do Cinemark!!! antes que eu me esqueça, o tamanho da tela da sala 5 é de 12 passos largos de largura (redundância?!). o filme demorou bastante pra começar (ou então foi pq quando eu entrei ainda estava sendo exibido os créditos da sessão anterior). logo que acabaram os malditos comerciais (como por exemplo o maldito comercial da Bosch com a piada sem graça do Olivier Anquier e da Deborah Bloch --- e dessa vez nem teve o hilário comercial da MTV com o cara dançando ao som de Britney Spears no balcão de uma lanchonete), começaram os traileres: Xuxa e o Tesouro da Cidade Perdida... LIXO... Desaparecidas... nada interessante... Sobrevivendo ao Natal... totalmente desprezível... e por fim... mas não menos pior... (e foda-se a gramática) Alfie - o sedutor... decadência!!! pelo menos no meu tempo... Alf era o Eteimoso...

totalmente nada a ver... eu fiz um site e ACABEI ele... hauuauauau foi o site que eu fiz pra uma casa que está sendo alugada por um conhecido meu... quem quiser ver como ficou... é só visitar Casa em Camburi.com.br... :D
Bill e Jill - 10/10/04 @ 699
sexta feira fui assistir duas estréias no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. Resident Evil: Apocalypse e Kill Bill vol.2. meus comentários sobre os filmes você pode ler na sessão de cinema do Blog do Barbosa, página do meu querido amigo Corellian. nem vou falar tanto das salas, afinal como sempre direi que o UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul é muito melhor do que qualquer Cinemark. o Resident Evil: Apocalypse está passando na sala 11, que sua tela possui 11 passos de largura e o Kill Bill vol.2 está passando na sala 9, a maior, que sua tela possui 19 passos de largura. no Resident teve trailer de Dodgeball, traduzido como A Bola da Vez, filme de comédia (daquelas totalmente sem graça) sobre times de queimada, tsc tsc... depois teve trailer de Anchorman, The Legend of Ron Burgundy, outra comédia (ainda mais sem graça) sobre um âncora de telejornal... deprimente... mas então pra minha alegria teve o sensacional trailer de Sky Captain and The World of Tomorrow, que foi maravilhoso... mal tive tempo de processar as belas imagens que vi... aí pra avacalhar um pouco antes do início do filme... trailer de The Princess Diaries 2: Royal Engagement... ninguém merece... deu pra perceber que se não fosse pelo trailer de Sky Captain eu teria metido uma bala na cabeça antes do filme começar... aí depois de assistir o Resident Evil: Apocalypse já fui correndo pra fila (pequena ainda) do Kill Bill vol.2, onde acabei ficando amigo de duas gatinhas muito gente boa... Landau, o eterno xavequeiro... huauauauau.... dessa vez os trailers tiveram pouca mudança... além das duas comédias totalmente idiotas... teve trailer do Resident (qual a graça de ver o trailer do filme que acabou de assistir?) e trailer de The Manchurian Candidate, um filme meio idiota sobre ex-soldados da guerra do golfo que têm chips implantados no corpo por alguma razão e um deles que é candidato a alguma coisa parece estar sendo manipulado... pô... tenha dó... eita roteiro idiota... bem... agora por enquanto estou apenas na espera de assistir o Sky Captain and The World of Tomorrow, que apesar de ser uma overdose de cgi, parece ser fantástico... enquanto ele não vem, vou ver se consigo dedicar algum tempo ao site, pois ele está muito parado e desatualizado... preciso fazer uma ferramenta para vcs poderem ler meus comentários antigos... além disso estou fazendo uma ferramenta para se poder pesquisar preços de DVD's nas maiores lojas online da internet... e em breve quero colocar aqui tb uma sessão de classificados para os fãs negociarem produtos de Star Wars... bem... deixa eu programar um pouco...
Homem Aranha, Homem Aranha, nunca bate, só apanha.... - 03/07/04 @ 877
ontem fui assistir Homem Aranha 2... cara... acho que é a melhor adaptação dos quadrinhos pro cinema... desbancando até mesmo Superman... ... o filme é ótimo e os comentários sobre o filme vc pode conferir no Blog do Barbosa. os trailers: A Batalha de Riddick ... o que posso falar? apenas... Riddickulo.. huauauauu... além disso teve trailer do filme da Mulher Gato com a Halle Berry... tosco!!! O único que salvou foi o trailer de Hellboy, que parece que vai ser muito loko... apesar de eu nunca ter lido sequer um gibi dele. assisti o filme no Kinoplex lá no Itaim... cara... o lugar é legal... infestado de boyzinhos nojentos e patys gostosinhas... o preço do ingresso é salgado... R$16,00 inteira... paguei R$8,00 na meia!!! facada no peito!!! os olhos da cara numa bandeja de ouro!!! mas a sala vale a pena... cadeiras confortáveis... o cinema tem a sala super bem conservada... (não como as salas do Cinemark, que tem péssimas cadeiras e cansei de ver defeitos na forração interna da sala)... a tela não é tão grande... 13 passos de largura (na sala 6... que a bilheteira me disse que é a maior)... perde pros 13,5 passos da sala 3 do Shopping SP Market e perde feio pros 19 passos de largura da tela da sala 9 do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. mas eu tenho que reconhecer... o som THX faz MUITA diferença... se eu que sou meio surdinho fiquei impressionado... imagina quem escuta bem... cara... tirando o fato do preço ser muito salgado... e da tela ser menor... estou quase considerando que agora o Kinoplex seja a melhor sala de São Paulo... falta avaliar o Hoyts General Cinema do Internacional Shopping Guarulhos. mas por enquanto o UCI Cinemas ainda é o melhor... até pq é mais perto de casa... huauauauauaua... :D
editado pela ultima vez em 15/08/04 @ 876

O Dia alguns Dias Atrás - 03/06/04 @ 792
no dia 28/05 eu fui assistir O Dia depois de Amanhã no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. assisti ao filme da sala 5 (não é a maior, mas é melhor que qualquer Cinemark) junto com meu antigo chefe e a namorada dele. esse é um dia que eu quero esquecer... primeiro contrariando tudo que eu falo tão bem do UCI... nesse dia deu algum problema no ar-condicionado da sala e ela ficou insuportavelmente abafada... imagine vc assistindo toneladas de neve e um frio glacial cobrindo o mundo enquanto morre de calor... não dá né! tava tão abafado que a mina do meu antigo chefe nao aguentou e eles sairam da sala uns 40m depois do começo do filme. assisti até o fim naquele calor infernal aguentando aquele filme ruim do diabo...
NÃO PERCAM SEU DINHEIRO ASSISTINDO 'O DIA DEPOIS DE AMANHÃ'...
pelo menos eu não saí no prejuízo... devido ao calor eu reclamei com a administração e eles carimbaram meu ingresso me dando direito de ver algum filme de graça essa semana... e eu já escolhi... assisti na segunda-feira o DVD de Harry Potter e a Pedra Filosofal, ontem assisti o VHS de Harry Potter e a Câmara Secreta e amanhã estarei lá para assistir de grátis ao lançamento de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. quem quiser ler minhas críticas ao O Dia depois de Amanhã leia a minha resenha postada no Blog do Barbosa.
editado pela ultima vez em 03/06/04 @ 794

UCI x Cinemark assistindo Tróia - 16/05/04 @ 758
bem... assisti Tróia na sexta-feira no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. infelizmente não pude assistir na maior sala... a 9... acabei assistindo na 11... mas não fiquei decepcionado com a sala... decepcionado sim o o filme... mas depois eu falo do filme. assim que acabou a projeção... antes de sair pedi pra visitar a sala 9... fui até o meio da sala e encarei aquela imensa tela... depois fui até sua base e medi... a tela do UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul tem 19 passos largos de largura. sábado consegui uma façanha... fiz meu pai ir ao cinema depois de 20 anos que ele não ia... o último filme que ele viu foi O Retorno de Jedi. fui com ele e acabei assistindo Tróia pela segunda vez... ele gostou... eu não... ainda mais que dessa vez assistimos no Shopping SP Market, na sala 3... a maior de lá... e pra variar as malditas cadeiras do Cinemark me deixaram com dor nas costas (e pela quantidade de pessoas se mexendo durante o filme fazendo as cadeiras rangirem, acho que não foi apenas eu quem ficou com dor nas costas)... ah... e depois que o filme acabou eu medi a tela da sala 3... a maior... e ela tem insignificantes 13,5 passos largos de largura... portanto se quer ver filme em cinema bom, com boa cadeira, com som de qualidade e tela grande... vá ao UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul... e se vc quer saber o que eu achei de Tróia, leia meus comentários feitos no Fórum Jedimania...
só falta dormir no cinema... - 14/05/04 @ 742
essa semana está sendo horrível, estou parecendo um zumbi. desde segunda-feira eu acordo pra ir pro trabalho e fico o dia inteiro com sono. na quarta-feira eu dormi no ônibus e passei do meu ponto, fui acordar muito tempo depois. cheguei no escritório às 10h45m sendo que meu horário é 8h30m... ainda bem que o findi está chegando e eu poderei dormir... certo estava o Corellian quando disse que eu passaria esse ano inteiro com sono, afinal, eu estava dormindo durante o reveillon. bem... hoje eu vou assistir Tróia. Vou hoje no Shopping SP Market e amanhã assistirei no UCI Cinemas do Shopping Jardim Sul. irei comparar as maiores salas de ambos cinemas pra fazer uma análise. minha próxima análise pretendo fazer entre os cinemas do Kinoplex e do Internacional Shopping Guarulhos quando estrear O Dia depois de Amanhã. haja dinheiro!!!
Fim de Semana Tarantino - 10/05/04 @ 780
esse findi assisti aos filmes do Quentin Tarantino: Jackie Brown, Cães de Aluguel e Pulp Fiction... TARANTINO RULES!!! não foi ao acaso que eu gostei de Kill Bill, Tarantino tem estilo! pra começar que eu pensei que os filmes dele fossem tiroteios desenfreados, mas não, são pouquíssimos tiros, somente quando necessário. o que enriquece os filmes do Tarantino são os diálogos. pra começar que ele sempre narra seus filmes de forma não linear, o que eu adorei e ele sabe como usar. adorei a Jackie, pilantrona, passou a perna em todo mundo. adorei a trilha sonora também. Cães de Aluguel, genial, mostra um grupo de assaltantes mas se foca mais nas suas relações entre si do que em roubos e coisas assim. destaque para Steve Buscemi, eu adoro esse ator, adorei a argumentação dele de pq não dar gorjetas. Pulp Fiction, muito bom... Ezequiel - 25:17... Mia Wallace e Vincent dançando no JackRabbit... injeção de adrenalina... "Bad Mother Fucker"... muito bom, mas afinal... o que havia na maleta???
Landau derrubado... - 09/05/04 @ 940
minha jornada pra assistir Kill Bill no Cinemark foi mais traumática do que o esperado. pra começar que eu esqueci de comentar alguns pontos negativos: cheguei lá no Cinemark do Shopping SP Market e tive que andar mó bocado pra chegar até o cinema... o shopping foi feito só pra quem tem carro... da rua até a entrada vc tem que andar por um enorme estacionamento, em alguns lugares sem nem caminho direiro pra pedestre andar... comprei o ingresso e tava com fome, comprei um hot-dog e um refri... o pão do hot-dog era péssimo... eu mordia e ele ficava esfarelando... fora que eu pedi pra por bastante queijo cheddar... mas o cheddar de lá tinha um gosto horrível... comi... entrei na sala... que era minúscula... como as luzes ainda estavam acesas deu pra ver defeitos no forro do teto da sala... fora que a sala tinha um nauseante cheiro de menta... parecia que haviam usado uma overdose de produtos de limpeza ali... filme terminado... saí... não tinha ônibus e fui andando até o terminal... tomei garoa... depois fiquei esperando das 2h45m até as 4h30m pelo ônibus... tomando vento frio... agora eu to aki resfriado espirrando... se eu tivesse ido no UCI Cinema nada disso teria acontecido...
jornada de volta pra casa... - 08/05/04 @ 804
ontem... Kill Bill... sensacional!!! Sessão das 0h10m... descobri que ia assistir numa das menores salas do Shopping SP Market, a sala 1... pedi pra moça que trabalha lá... Fernanda... linda e simpática... pra me mostrar qual era a sala maior... ela me mostrou a sala 3... onde está passando o Van Helsing... a sala é grande mas nao me impressionou... vou assistir o Troia lá e depois no dia seguinte no UCI Cinema... assim faço a comparação... mas bem... saí do cinema eram 2h20m... não tinha ônibus... lá vai eu andando por São Paulo até o terminal... cheguei no terminal as 2h45m... fiquei esperando sentado até as 4h30m pelo onibus... cheguei em casa as 5h... é foda... hoje vou alugar os outros filmes do Tarantino pra ver se eu gosto de vez dele ou não...
Kill Bill denovo!!! - 07/05/04 @ 084
Bem... acabei de sair da facul... nao vai ter a ultima aula... o que que eu vou fazer? ASSISTIR KILL BILL!!! Puta merda, vou ter que pegar sessão da 0h10m e quero ir no cinema do Shopping SP Market pq meu amigo da facul fica falando que é bom, que é isso e aquilo... mas eu duvido que esse lixo que é Cinemark possa ser melhor do que o UCI Cinema do Shopping Jardim Sul... bem... dane-se... vou arriscar conhecer esse cinema... mas o que interessa agora é ouvir novamente o assovio da Elle Driver... e dane-se que eu vou ficar perdido num shopping que eu nunca fui pra voltar pra casa depois das 2h da manhã... Hasta la vista, Baby!
Landau movido a álcool - 06/05/04 @ 730
ontem não consegui assistir denovo Kill Bill pois fui arrumar o computador de um amigo do meu antigo chefe e acabei ficando tempo demais lá... o cara tinha 3 vírus no notebook e mais de 5000 vírus no computador das filhas... beleza... faço a limpeza dos vírus e configuro direito o anti-vírus mas aí a esposa dele fala que tb não consegue fazer desfragmentação... acabo ficando lá pra deixar isso rolar e ver o que acontece e só saio de lá as 3h da manhã... pelo menos meu antigo chefe apareceu por lá e bebemos bastante whisky e licor juntos, batendo um papo bastante agradável... aahhh... como é bom beber bebida boa... hoje não tenho nada de ressaca... se fosse cerveja hoje eu estaria péssimo... bom papo, boa bebida, nada de ressaca e ainda com o bolso cheio... aahhhh... hoje estou feliz... pra ficar melhor... só se fosse sexta...
Star Wars e Kill Bill - 05/05/04 @ 654
essa semana depois de 2 meses parado eu voltei a frequentar o fórum Jedimania... legal reencontrar os velhos camaradas... e mais legal ainda encontrar uns novatos... e ter novamente as mesmas discussões de sempre... huauauau.. contratempos de se viver numa fase de entre-safra de Star Wars... bem... enquanto eu espero o lançamento em DVD do BOX Star Wars Trilogia Clássica e o lançamento do Episódio III... eu vou aproveitar pra assistir hoje mais uma vez Kill Bill no cinema... aahhhh... só rever a Elle Driver e ouvir seu assovio já vale o ingresso
editado pela ultima vez em 05/05/04 @ 836

despertador miserável - 04/05/04 @ 558
Hoje de manhã mais uma vez pra variar fui acordado pela minha mãe... pois eu jurava que por mais um dia, eu com meu sono pesado desligara o despertador sem saber... fiquei tão puto pois hoje precisava chegar cedo no escritório que resolvi investigar. Peguei o despertador e programei para 2 min depois da hora do momento. 2 min depois... ele NÃO tocou... verifiquei e descobri que o botão que vc desliga o despertador estava travado, tipo apertado e preso... o que não é normal... o soltei, refiz o teste e ele tocou... FILHO DA PUTA... eu estou a 2 semanas chegando atrasado no escritório por culpa desse maldito despertador... se aquele botão ficar preso denovo eu estouro aquele lixo no chão.
editado pela ultima vez em 08/02/08 @ 693

Primeira mensagem com a nova ferramenta - 03/05/04 @ 811
Bem... eu passei o fim de semana programando essa ferramenta... agora aqui na capa do site eu terei mais agilidade pra postar alguma informação. Mas lembrando que isso parece um blog MAS NÃO É BLOG PQ EU ODEIO BLOG! Bem... agora que essa ferramenta está 90% pronta (faltam apenas alguns detalhes pra ficar redondinha) eu irei dedicar meu próximo tempo livre a fazer um sistema de classificados... e pretendo ter aqui uma seção de classificados de Star Wars para preencher a lacuna deixada com o fim das atividades do site Federação do Comércio .kit.net ... Bem... se vc queria ler um blog... vá ler o Blog do Barbosa ou então vá catar coquinho!
exibir somente posts recentes
Valid HTML 4.01! Valid CSS! Hospedado por Braslink Compatível com Mozilla Compatível com Netscape Compatível com Internet Explorer Compatível com FireFox
© 2003 - Landau.com.br - desenvolvido por Landau, o renegado.
Todos os logotipos, marcas e materiais registrados apresentados pertencem aos seus respectivos donos.